terça-feira, 19 de agosto de 2008

EFEITOS DA IDADE

Quando eu era um jovem de idade(pois de espirito ainda me considero) era um grande filho da NOITE.
Adorava vaguear noite dentro, perde-las pelos mais diversos motivos de diversão ou prazer.
Ora o "o tempo tudo tráz e tudo leva" e eu tive de assentar raizes, deixando as saídas nocturnas e dedicando-me de corpo e alma ao bom estar de um lar.
Saídas á noite, só a ir tomar o café e pouco mais, salvo raras excepções.
Acontece, que ontem demorei mais um bocadinho e quando cheguei a casa já a Esposa dormia no sofá,era cedinho ainda 22,30h, fui até á net e não a incomodei, farto de estar no pc fui direitinho ao vale dos lençois, mas dormir tá quieto.
Algo dizia que eu tinha de perder a noite e então fui para a varanda e fui ouvir música, dei com um programa a ser feito por uma amiga minha virtual mas que trocamos palavras e o programa era com participação dos ouvintes, claro que eu tive de fazer o gostinho e eram 2,30 quando entrei em antena, já minha querida estava na caminha e eu a vadiar na varanda, só que ela tambem ouviu no radio da mesa de cabeceira e lá levei os neurónios cheios até me deitar e tentar adormecer.
O pior é que me levantei ´ás 5,30 como é normal, não por necessiodade mas porque gósto.
VEJAM SÓ O QUE EU DORMI, por causa dos efeitos da IDADE!!
DE VEZ EM QUANDO TEMOS COISAS E LOISAS!