sábado, 28 de junho de 2008

Bikini Gallery by Donna Flor

Bikini Gallery by Donna Flor

APROVEITEM ESTA OFERTA E MOSTREM O QUE REALMENTE VALEM!

Sempre se ouviu dizer que o que é bom , é para se ver
então vamos lá a fazer arregalar o olho a muita gentinha.

quinta-feira, 26 de junho de 2008

QUE ESCREVER?

Que posso ou devo eu escrever sem ter a caixa de pirolitos a funcionar.
Sei ke me fartei de trabalhar
apanhei imenso calor, que detesto
Cheguei a casa, tomei um valente duche frio
fui registar a mania do Euromilhões
fiz umas compras no Supermercado
Vim para junto da minha Amada e por aqui tenho estado
Ela a regar o seu Jardim na varanda e eis que fui dar com ela
a chorar.
De um momento para outro vem-lhe á cabeça as lembranças
as boas, as ruins, tudo se mistura e tudo faz dela um brotar de lágrimas
Até quando irá isto durar?
Tenho medo!
Chego a pensar que nunca irá conseguir suplantar aquela dor
Uma dor que eu não sei quanto lhe doi
Só sei que deve doer muito
Mas não sei o seu real significado
Nem malificio para ela.
A paci~encia vai-se mantendo
O carinho não vai faltando
Mas continuo receoso de nunca mais voltar a sentir e ater a minha
MULHER como ela era.

terça-feira, 24 de junho de 2008

PECADO COMETIDO.

Pois foi!Ontem noite de S.João, foi como que meter o pé na poça...
Estava muito sossegadinho em casa, eis que alguém me liga e diz que a Junta de Freguesia estava a dar ARRAIAL C/SARDINHA ASSADA,no fim de conversar com a minha Rosinha, lá a convenci a ir-mos até lá, não para o Arraial, mas únicamente para saborear-mos uma sardinheca, de que tanto gostamos e lá fomos, chegámos,comemos, demos meia volta, fomos um pouquinho ao café e direitos a casa que se fazia tarde.´
Acabámos pois, por também ter participado nas festas de S. João, muito embora sem nenhumas evasivas.

E VOCÊS ? GOZARAM?

sábado, 21 de junho de 2008

NÃ HÁ DINHEIRO? (MARIZA AO VIVO)



Eu não o tenho, mas ainda há muita gentinha que pode gastar ou então fica sem poder satisfazer outras necessidades de maior importância.
Neste preciso momento está a decorrer aqui em frente da minha casa (na Praça DE TOUROS)o lançamento do novo trabalho da Fadista Mariza e ela até não foi parva em escolher este local, uma vez que tem á sua volta cerca de 15.000 pessoas.
Se eu não estivesse na situação em que me encontro, talvez também lá estivesse porque também sou um fã do FADO, mas não posso lá estar, vou contudo dando um saltito de vez em quando á varanda e para ouvir um bocadito, afinal só falta mesmo estar lá dentro porque tudo é em paredes meias com a minha habitação.
Quero eu referir que em tempo de tamanha crise económica isto é um mar de gente, de Automóveis, afinal de contas ainda há muito dinheiro por aí espalhado mas muito mal distribuido.
De qualquer das formas...
VIVA O FADO!
VIVA A CULTURA DE UM POVO QUE ATRAVÉS DO FADO ESPANDE AS SUAS MÁGOAS!

quinta-feira, 19 de junho de 2008

D I A ZERO (O)

Hoje tem sido um dia em que só estou bem
Onde não devo estar
Só me apetece
O que não devo ter

Só faço o que não deveria

portanto... É melhor ficar quieto.

segunda-feira, 16 de junho de 2008

QUE VOS POSSO DIZER ?


MAIS UMA SEMANA SE PASSOU; MAIS UMA FEIRA DO RIBATEJO ACABOU
UMA FEIRA QUE EU NÃO QUIZ VISITAR ESTE ANO PELOS MOTIVOS CONHECIDOS.
A Vida tem de se ir recompondo aos poucos, com serenidade e com muito alento
para saber compreender quem muito ainda sofre e não vai deixar tão cedo de o sentir.

Como não quero estar a fazer deste Espaço uma coisa a caír numa total falta de interesse, (porque pouco ele já tem)venho aqui deixar um presentinho, uma coisinha simples mas que vos ofereço com todo o meu carinho e apreço.

Este presente é para TODAS as que o quizerem levar, não há excepcções por hoje, porque todas me têm dado o seu apoio, cada uma como pode e sabe.

Levem então o CESTO se gostarem, se não gostarem...Peço desculpa por não saber ofertar.

SORRIAM SEMPRE PARA A VIDA

PARA QUE A VIDA VOS SORRIA TAMBÉM !

BEIJINHOS

sexta-feira, 13 de junho de 2008

M O S T R E M - S E !!!

Aproveitem então este CALOR, mostrem os vossos atributos fisicos, gozem com os mirones tipo querer comer o fruto tão desejado, ou então aproveitem e deixem-se envolver, afinal é para isso e muito mais que por cá andamos.
GOZEM então mais um FDS e não tenham medo da chuva.

terça-feira, 10 de junho de 2008

E M F R E N T E !!

A VIDA CONTINUA, tem mesmo de continuar e como tal o progresso está a dar-se, hoje já conseguiu ir sózinha ao Cimitério e á Missa, tem de ser mesmo assim, não pode nem deve ficar entalada entre quatro paredes.


Grande dia de Verão esteve hoje hem!!!

Como sei que a grande maioria da malta que me visita é apaixonada pelos banhos no Mar, espero bem que tenham sabido aproveitar este calor de hoje pois parece-me que vem aí chuva!


Não se esqueçam que amanhã e dias seguintes são dias de trabalho, nada de arranjar Baixas fingidas para irem pôr o corpinho a BRONZEAR!

um forte e amigo abraço para todas (os)

sábado, 7 de junho de 2008

N O R M A L I Z A N D O

Felizmente que a minha Carita-Metade, vai normalizando e hoje haveria de ser um dia de andar nas visitas de feira, mas não pode ser, este ano não vamos poder confraternizar na FEIRA DO RIBATEJO que ontem começou, mas mesmo assim consegui que mantivesse-mos uma nossa tradição, a de comer-mos a primeira SARDINHADA DO ANO e a muito custo lá a consegui levar a Almoçar aquilo de que ela tanto GÓSTA.

quarta-feira, 4 de junho de 2008

ELA VAI CONSEGUIR.

São situações, pelas quais só quem passa pode fazer o devido juizo, situações que não se desejam a nimguém mas que tocam á porta de cada um .
Têm sido dias terriveis, não tanto para mim, mas para ela minha Mulher, porque não foi um simples familiar que partiu, foi um FILHO seu e muito embora não seja meu, mas era como se fosse eu tambem sofro ainda bastante mas não consigo imaginar a DOR que vai na alma de uma Mãe, uma Mãe que sempre o soube ser, uma Mãe que percorria sitios enixplicáveis para ir ao encontro desse filho, para fazer os impossiveis para o ver bem, conseguiu por varias vezes livra-lo desses caminhos e que feliz ela ficava, mas o destino estava traçado e nada mais ela pode fazer do que esperar a sua anunciada morte.
Estar dias inteiros e pela noite dentro na companhia dele, indo vendo como ele se ia apagando dia a após dia sem haver uma alternativa.
Sempre a acompanhei nesses momentos, era meu dever dar-lhe todo o apoio e esse nunca lhe faltou.
Consegui tira-la da enfermaria meia hora antes do falecimento, se não tivesse acontecido, não sei se a desgraça não teria sido maior.
Não fez grandes alaridos durante e após as cerimónias fúnebres e isso prejudicou-a imenso, ficou com o sofrimento todo dentro de si.
Tenho feito de tudo, sou eu , que faço tudo em casa, desde a comida ao resto, mas felizmente ela já vai dando o seu contributo, porque acima de tudo consegue arranjar forças onde eu julgo nunca conseguir.
Se eu não tivesse a sorte de me facultarem estes dias fora do trabalho, então aí é que era uma carga de trabalhos ainda muito maior.
Mas ela está a recuperar bem.
Hoje fomos á Missa do sétima dia e tudo correu mais ou menos, só que não consigo tira-la de casa como desejaria.
UMA MULHER COMO ELA É, VAI CONSEGUIR SUPERAR.